Galhardo manda recado para Gabigol, do Flamengo, após ser chamado de 'moleque' depois de título do Brasileirão do rival

 O Brasileirão 2020 foi disputado até o último segundo, com o Flamengo ficando com o título. Após a conquista, os atletas rubro-negros não perdoaram Thiago Galhardo, do Internacional. E o jogador respondeu.

Depois de um vídeo postado pelo meia-atacante em alusão ao cheirinho, provocação que os rivais faziam contra o Flamengo pelo período sem títulos de 2016 a 2018, Gabigol, Arão e Thiago Maia citaram Galhardo publicamente, que retrucou.



As melhores histórias do mundo.


“Foi uma situação triste que vivemos, vestiário triste, o título escapou das nossas mãos. Fico muito feliz por ter sido lembrado por essa provocação porque se eu ganho o título brasileiro, pela importância, eu não me preocuparia com ninguém. Fiquei até espantado porque não foi nada direcionado (ao Flamengo). Era uma provocação de rivalidade local. Futebol tá muito chato, existem as provocações e a gente tem que viver mais isso. Obrigado por terem lembrado de mim num dia tão especial para vocês”, disse Galhardo, em entrevista à TV Globo.

Pelo lado do Flamengo, a provocação mais forte saiu de Gabigol. O camisa 9 do time carioca chamou Galhardo de moleque durante uma live no Instagram.

“Seu Galhardo, seu moleque! 'Cê' tem que respeitar, garoto. Olha aqui pra você, ó. Cheira aqui, garoto (mostra a medalha). Seu moleque! Não foi campeão e não foi artilheiro", cutucou Gabigol, completando.

“Thiago Galhardo, Thiago Galhardo... Ele meteu o cheirinho pra nós. O que Thiago Galhardo ganhou? Não ganhou nada!”, finalizou.



ESPN Brasil


0/Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem